Resolvi falar sobre o assunto...

Tudo isso é muito inédito, em nenhum momento da nossa bagagem de vida a gente consegue encontrar algo que nos ajude a passar por essa situação, eu também tenho aprendido muito, tenho buscado respostas e também tenho conversado com outras pessoas sobre isso.

E como eu sempre fiz, comecei a analisar e tentar entender o que eu estou sentindo e os impactos que esta situação traz na nossa vida e a primeira coisa que percebi foi que eu "estou sofrendo menos", pelo menos aparentemente, e fui tentar entender foi o porquê disso.

O que será que tinha de errado comigo - na verdade a gente sempre busca o que tem de errado e não o que tem certo!

E uma coisa que eu percebi foi, entre tantas outras, aceitação da minha vulnerabilidade.

Eu me rendo, vamos falar sobre isso, começando com a nossa vulnerabilidade!

Porque a vulnerabilidade é importante

Reduz o estado de alerta: Quando estamos em estado de alerta o tempo todo, olhando para todos os lados, buscando os "perigos iminentes", nos colocando na posição de luta ou fuga a todo instante com a intenção "ilusória" de estar invulnerável e indestrutível, estamos negando completamente a nossa vulnerabilidade natural.

Esse é exatamente o estado em que a maior parte de nós está vivendo, em alerta e lutando contra a possibilidade de sermos vulneráveis.

As consequências disso, já estão bem claras para nós, ansiedade superativada, estresse, desequilíbrios emocionais, excesso de irritabilidade, aumento de sentimentos depressivos, pensamentos catastróficos, desesperança, desânimo, foco no negativo ainda mais presente. Ou seja, vamos acabar pirando!

Aumenta o estado de lucidez: Aceitar sua vulnerabilidade aumenta sua capacidade de avaliar fatos e acontecimentos com mais racionalidade, o que ajuda muito a diminuir todos os efeitos do estado de alerta. Ser vulnerável ou aceitar a própria vulnerabilidade é o oposto de fraqueza, na verdade aceitar que somos finitos e imperfeitos nos dá uma visão clara e realista para analisar a situações e permitir verdadeiramente a busca da melhor solução disponível.

Preserva nossa energia: Pensa assim, você está usando uma quantidade enorme de sua energia interna tentando gerar um tipo de campo de força, um escudo contra tudo que está acontecendo a sua volta, importante lembrar que todo esse esforço para lutar ou fugir do medo, da doença, da falta de dinheiro, da solidão e tudo mais que estamos vivendo, uma hora vamos cansar

Então a gente pode concluir que:

1-Essa energia que estamos gastando para criar "esse escudo", não vai durar muito tempo e quando ela acabar você estará extremamente esgotado e o que ia doer um pouco pode te derrubar de vez.


2-Vulnerável não é fraco, é aceitar as coisas que estão ao seu redor para eventualmente atingir uma solução. Pois, essa postura vai te dar lucidez.


Por exemplo:

Situação de temos que ficar isolados.

Usando a vulnerabilidade você vai se permitir sentir todas as emoções que fazem parte dessa situação, mas principalmente vai te possibilitar pensar em como você pode lidar com ela. É uma situação, é um fato, então estando vulneráveis e aceitando as coisas, tendo uma visão lúcida é provável que nossa reação seja próxima disso:

Você vai pensar...
Essa é a situação, esse é o fato, eu posso resolver?
Se sim – Como?
Se não - vou buscar a melhor forma para aceitar e lidar com esta situação, acolhendo e aceitando as emoções.

Quando eu tento lutar contra os sentimentos que essa situação me traz eu gasto uma energia imensa que poderia ser usada para processar esse sentimento, acolher esse sentimento, entender como você está reagindo a isso tudo, identificar os pontos críticos e pensar nas melhores soluções disponíveis.

Atente-se para a expressão soluções disponíveis, essas só são alcançadas com a nossa lucidez, depois de acolher e processarmos todas as emoções, caso contrário estaremos lutando com monstros e buscando soluções irreais.


· Como você está lidando com isso tudo?
· Quais têm sido suas principais dificuldades?
Comente, mande e-mail, para entendermos como nos ajudar.


Aprenda a lidar melhor com tudo isso através da gestão emocional prática.

3 visualizações
  • LinkedIn ícone social
  • Facebook ícone social
  • YouTube
  • Instagram

© 2015 by Nanda Ricci.